INTRODUÇÃO BIBLIOGRAFIA AGRADECIMENTOS
 
 
 

VER GALERIA DE FOTOS

 
 

INFORMAÇÕES:

PORCO-DO-MATO / CATETO -  Collared peccary
Tayassu tajacu


Classe: Mammalia
Ordem: Artiodactyla
Família: Tayassuidae

Foto: Câmera de trilha - Bushnell modelo 119440
Local: RPPN Corredeiras do Rio Itajaí, Itaiópolis – Santa Catarina
Data: 13/07/2014 - Horário: 13h06min


Ameaças
Por ser um animal de médio porte torna-se alvo fácil dos caçadores e está desaparecendo em muitos lugares. Os desmatamentos vêm reduzindo seu hábitat o que causa escassez de alimento e conseqüentemente o extermínio da espécie. O hábitat reduzido também facilita a ação dos caçadores, já que eles não têm para onde fugir ou se esconder. A espécie está ficando rara.
 
Descrição
O porco-do-mato-cateto mede de 82 a 100 cm de comprimento total e pesa entre 17 e 30 kg. Seus pêlos são longos e grossos, a coloração geral é preto-acinzentada com reflexos esbranquiçados, por terem as pontas dos pêlos brancas; o filhote é mais claro que o adulto. A fêmea tem 4 pares de mamas, mas apenas 2 são funcionais. 

Alimentação
Alimenta-se principalmente de frutos silvestres caídos no chão, folhas, brotos, talos, raízes, pequenos animais vertebrados, como rãs, ratos e cobras pequenas e invertebrados como minhocas, larvas etc. 

Reprodução
O macho atinge a maturidade sexual com cerca de 1 ano, e a fêmea fica sexualmente madura em torno dos 8 meses. A gestação se dá após um período de aproximadamente 5 meses. Nascem 2 filhotes, em locais bem protegidos.
Caso a mãe seja abatida por um predador, outra adotará seus filhotes. São amamentados até 2 meses e permanecem junto da mãe por mais 1 mês. Num mesmo grupo, a fêmea no cio pode copular com vários machos; as lutas entre estes são raras. 

Observações
O porco-do-mato-cateto vive em todo território nacional, ocupando uma grande diversidade de hábitat, como: florestas altas, campos, cerrados e áreas alagadas. Anda quase sempre em bandos de 8 a 15 indivíduos, compostos de jovens e velhos de ambos os sexos, sendo liderados pelo macho mais velho do grupo.
Tem comportamento social coeso, amigável e cooperativo, demonstram isso esfregando a cabeça no dorso de outro indivíduo. Tem hábito diurno e crepuscular. Chega a viver até 20 anos. Só ocorrem em áreas bem preservadas de florestas e de relativa extensão. O cateto assim como o queixada, são os únicos representantes de porcos do mato brasileiros.

Vídeo do porco-do-mato
 
  • fepema
  • weg
  • frbl
  • johnsonejohnson
  • bvs&a
  • governo_sc
  • avina
  • brazil_foundation
  • portal_social
  • celesc
  • prefeitura_jaragua
  • fujama
  • Doacao Donate